Destaques

Vital Beauty, você linda de dentro para fora!

Chega ao mercado o Vital Beauty, suplemento de Vitamina B5 (Ácido Pantotênico) e Biotina com óleo de amêndoas e de gergelim prensados a frio! Foi pensando na sua pele que escolhemos as melhores safras de amêndoas do Chile para prensá-las a frio, preservando a vida de suas moléculas para levar os melhores nutrientes para você, revitalizando, nutrindo e dando ainda mais vida e brilho a sua pele.   Aliado ao Óleo de Gergelim e sua poderosa concentração de tocoferóis naturais – que têm ação antioxidante –  é um poderosíssimo aliado no combate aos radicais livres que são os responsáveis pela degeneração celular,  e faz bem para todos os tecidos, revitalizando o organismo e prevenindo sinais de envelhecimento, como rugas e linhas de expressão, hidratando sua pele de forma nutritiva e eficaz. Para deixar você ainda mais maravilhosa incluímos também a Biotina, componente indispensável para a saúde e beleza feminina, pois ela atua no fortalecimento das unhas, combate à queda de cabelo e renovação da pele. Não poderíamos deixá-la de fora! E para ficar ainda mais completo e Vital, incluímos a Vitamina B5 (ácido pantotênico), necessária ao bom funcionamento de todas as células do nosso organismo! A vitamina B5 também pode ser útil no tratamento da acne, queimaduras suaves e irritação, ajuda a reparar lesões cutâneas e ainda acelera a cicatrização da pele. Como consumir? A recomendação é ingerir duas cápsulas ao dia, de preferência junto com as principais refeições. Por ser um produto 100% natural, o Vital Beauty não possui contraindicações. Porém, destacamos sempre a

LER MAIS

Vitamina B5 (ácido pantotênico), por que é tão necessária?

O ácido pantotênico também chamado de vitamina B5, é uma vitamina hidrossolúvel, que deriva da palavra grega “pantos”, que significa “em todos os lugares”.  Isto é devido à presença da vitamina em todas as células do nosso corpo, em praticamente todos os tipos de alimentos e sua exigência por quase todos os tipos de organismo para um bom crescimento e função metabólica. Nosso corpo não armazena a vitamina B5, portanto temos de consumi-la todos os dias para repor as fontes, pois ela é transportada pela corrente sanguínea e o excesso excretado pela urina. O ácido pantotênico é importante para uma variedade de atividades biológicas, incluindo a produção de energia, a síntese de proteínas e gorduras, e é necessária por muitos tipos diferentes de células da pele para a regeneração e crescimento adequado. Por que precisamos de vitamina B5 Precisamos de vitamina B5 para quebrar as proteínas, gorduras e hidratos de carbono a partir dos alimentos que comemos, a fim de que o nosso corpo possa usá-los como fonte de energia e reconstrução dos tecidos, músculos e órgãos. Estudos têm demonstrado que há uma abundância de importantes papéis de vitamina B5 no organismo, tais como a conversão de nutrientes dos alimentos em energia, equilíbrio de açúcar no sangue, redução do colesterol ruim, redução da pressão arterial, prevenção de danos nos nervos, prevenção de dores e prevenção de insuficiência cardíaca. Redutor de estresse – A vitamina B5 tem a reputação de reduzir o estresse e outros problemas mentais, como ansiedade e depressão. Ela faz isso através da

LER MAIS

Pele e cabelos saudáveis, missão impossível sem Biotina (Vitamina B7)

A biotina ou vitamina B7 é um nutriente que ajuda a manter uma aparência jovem e atraente, uma vez que desempenha um papel importante na manutenção da saúde dos nossos cabelos, unhas e pele. Na verdade, a biotina, por vezes recebe o apelido de vitamina “H”, que deriva das palavras alemãs “Haar e Haut” que significam “cabelo e pele”. A  biotina é comumente adicionada a produtos destinados aos cabelos e beleza da pele, embora acredite-se não ser bem absorvida através da pele, e que para um resultado realmente benéfico seja ideal a ingestão. A biotina ou vitamina B7, é uma vitamina hidrossolúvel que representa uma parte do complexo de vitamina B – um grupo de nutrientes essenciais necessários para um metabolismo saudável, sistema nervoso, digestivo e funções cardiovasculares. A biotina atua como uma coenzima no corpo, é necessária para o metabolismo de ácidos graxos, aminoácidos e glicose. Isto significa que quando ingerimos alimentos que são fontes de gorduras, proteínas e hidratos de carbono, a biotina (vitamina B7) deve estar presente, a fim de converter e usar esses macronutrientes de energia corporal, para realizar atividades físicas e funcionamento psicológico adequado. Benefícios da biotina para a saúde Mantém cabelos, pele e unhas saudáveis A vitamina B7 é necessária para manter a saúde da pele, cabelos e unhas – por isso, quando alguém está com deficiência desta vitamina, os sintomas podem se manifestar na forma de unhas quebradiças, cabelos fracos e opacos, ou dermatite, que resulta em pele seca e irritada. Você pode notar que a biotina é

LER MAIS

Alimentação alcalina

Tem surgido uma série de novidades a respeito dos benefícios da água alcalina para saúde, mas o que ainda é pouco falado, é que existem muitos alimentos alcalinos que você pode comer, para tornar seu corpo menos ácido e aumentar seus níveis de pH. Equilíbrio é a chave. E quando se trata de níveis de pH do nosso corpo, é a chave para a vida! Por que devemos nos preocupar com o nível de pH no nosso corpo? Bom, um corpo alcalino é muito mais saudável do que um corpo ácido, pois um alto nível de ácido no sangue nos torna suscetíveis a doenças, cansados e com maiores chances de piorar doenças crônicas, como alergias, diabetes e Síndrome do Intestino irritável. pH = 0 » indica o máximo de acidez ou carga positiva pH = 7,00 » indica a neutralidade pH = 14 » significa o máximo de alcalinidade ou carga negativa Um corpo muito alcalino significa: pele mais clara mais energia clareza mental ossos mais fortes redução do risco de câncer menos resfriados e doenças respiratórias menos risco de desenvolver pedras nos rins Uma dieta alcalina enfatiza alimentos alcalinos, como frutas inteiras, legumes e certos cereais integrais que tem baixa densidade calórica. Uma dieta rica em alimentos alcalinos envolve o equilíbrio ideal entre alimentos acidificantes e alcalinizantes. O corpo possui uma série de sistemas em seus órgãos que são hábeis em neutralizar e eliminar o excesso de ácido do organismo, mas há um limite de quanto ácido um corpo saudável pode lidar com eficácia.

LER MAIS

Alimentos anti-inflamatórios

Os médicos estão aprendendo que uma das melhores formas para dominar a inflamação não está no armário de remédios, mas na geladeira. Seu sistema imunológico ataca qualquer coisa em seu corpo que reconhece como estranho, como um micro-organismo invasor, pólen de plantas ou químicas, e este processo é chamado de inflamação. Impulsos intermitentes de inflamação são dirigidos aos invasores verdadeiramente ameaçadores para proteger a sua saúde. No entanto, por vezes a inflamação persiste dia após dia, mesmo quando você não está sendo ameaçado por um micro-organismo estranho. É nessa hora que a inflamação pode se tornar sua inimiga. Muitas doenças graves que nos afligem, incluindo câncer, doenças cardíacas, diabetes, artrite, depressão e Alzheimer têm sido associadas a inflamação crônica. Uma das ferramentas mais poderosas para combater a inflamação não vem da farmácia, mas da mercearia. “Muitos estudos experimentais têm mostrado que alguns componentes de alimentos ou bebidas podem ter efeitos anti-inflamatórios,” diz o Dr. Frank Hu, professor de nutrição e epidemiologia do Departamento de Nutrição de Harvard. Escolha os alimentos certos, e você será capaz de reduzir os riscos de doença, assim como se escolher os errados, você poderá acelerar o processo inflamatório. Alimentos promotores de Inflamação Tente evitar ou limitar esses alimentos, tanto quanto possível: carboidratos refinados, como pão branco e doces batatas fritas e outros alimentos fritos refrigerantes e outras bebidas adoçadas com açúcar carne vermelha (hambúrgueres, carnes) e carne processada (linguiça, salsicha) margarina, gordura e banha de porco Não surpreendentes, os mesmos alimentos que contribuem para a inflamação são geralmente considerados ruins

LER MAIS

Os surpreendentes benefícios de andar descalço

Andar descalço é como descobrir uma nova fonte de juventude. Quando nossos pés, joelhos, quadris e costas já não ficam mais sem dor, estamos mais propensos a ser ativos novamente. Você vai se sentir mais jovem, seu corpo vai agir como se estivesse mais jovem, e você vai ficar mais forte e mais ativo do que você já esteve há muitos anos! Sua mente se tornará mais nítida e sua concentração mais específica. Andar descalço funciona como despertar uma luz, passo natural no corpo, através da mensagem que recebemos dos nossos pés tocando o chão. Há menos impacto e pressão do que quando calçados, andar descalço reaviva músculos que ficam atrofiados em nossos sapatos, desperta terminações nervosas e nosso sistema de equilíbrio, estimula pontos de reflexologia na parte inferior de nossos pés, e ainda tem benefícios anti-inflamatórios através do aterramento. Isso tudo significa um corpo mais forte, menos dor nas articulações, melhor postura, mais mobilidade, mais saúde e maior liberdade. Aqui estão alguns dos principais benefícios para a saúde: Maior equilíbrio Ao sentir o chão, as pessoas começam a despertar o sistema vestibular (sistema de equilíbrio) do cérebro, estimulando novas conexões neurais e remapeamento de suas mentes para um maior equilíbrio. Para os idosos isso é fundamental, porque uma queda ou fratura do quadril pode levar a um declínio gradual na saúde. Maior força Ao andar com os pés descalços começamos a despertar novos músculos, tanto para o equilíbrio quanto apoio. Pés mais saudáveis O corpo trabalha sob o princípio use-o ou perca-o. Se você

LER MAIS

Própolis , cuidado natural contra o Aedes aegypti

A própolis é uma cera produzida pelas abelhas a partir cascas, resinas e botões de flores, e é usada para proteger as colmeias, desinfetar o local onde a abelha-rainha coloca seus ovos e evitar a putrefação de outros insetos dentro do ambiente. A própolis possui diversas propriedades biológicas e terapêuticas, entre elas estão as ações antimicrobiana, antifúngica, antiprotozoária, antioxidante, antiviral, cicatrizante, anestésica e anticariogênica. Há 20 anos, o biólogo e Apiterapeuta Gilvan Barbosa Gama vem realizando estudos acerca da eficiência da própolis, e afirma que ela pode ser uma poderosa aliada contra mosquitos hematófagos, como o tão conhecido e temido Aedes aegypti, causador de doenças como a Dengue, Zica vírus e Chikungunya. A pesquisa confirma que quem ingere diariamente a própolis, exala através do suor dois princípios ativos, flavona e vitamina B, substâncias que repelem, entre outros, o mosquito transmissor da dengue – Aedes aegypti. O tratamento foi comprovado através de uma pesquisa que durou cinco anos na Amazônia. O pesquisador foi também agente da pesquisa, utilizando a própolis e afirma não ter contraído a malária. Composição da Própolis A própolis é uma cera produzida pelas abelhas a partir cascas, resinas e botões de flores. Sua composição: além das vitaminas do complexo B, C, H e O, a própolis também possui em sua composição flavonoides, galangina, resinas com bálsamo, cera e pólen. Orientação de consumo A própolis tem eficácia contra mosquitos hematófagos (inclusive Aedes), porém se trata de uma substância que deve ser ingerida constantemente para obter resultados, uma vez que se interrompe a sua

LER MAIS

Os benefícios do óleo de semente de abóbora no organismo

Óleo de semente de abóbora é um óleo verde escuro prensado a frio, a partir de sementes de abóbora em estado bruto, preservando suas propriedades nutricionais e seus benefícios para a saúde. Tem um sabor rico e agradável e é uma fonte potente de ácidos graxos benéficos e antioxidantes. Aqui estão os benefícios do óleo de semente de abóbora para a saúde e algumas razões para ingeri-lo regularmente. Óleo de Semente de Abóbora e BPH A hiperplasia prostática benigna (BPH) é uma condição que afeta muitos homens ao redor do mundo, especialmente os homens com mais de 50 anos. Acredita-se que a Hiperplasia Prostática Benigna se deve ao hormônio diidrotestosterona (DHT), que promove a proliferação de células da próstata. Isto resulta num aumento da glândula da próstata e pode levar a problemas como câncer e desconforto ao urinar. O fitoesterol de beta-sitosterol é encontrado em concentrações significativas no óleo de sementes de abóbora e ajuda a bloquear os efeitos prejudiciais da DHT por inibição da sua conversão a partir da testosterona. O óleo de semente de abóbora tem altos níveis de carotenoides antioxidantes, ácidos graxos ômega 9 e zinco, os quais podem ajudar a reduzir o risco de um homem desenvolver BPH. Um estudo mostrou diminuição dos sintomas e da dor em homens com hiperplasia benigna da próstata, que suplementavam com óleo de semente de abóbora – sem efeitos colaterais negativos. O óleo de semente de abóbora ainda auxilia da função da bexiga e da uretra, o que pode contribuir para o alívio dos sintomas

LER MAIS

Hábitos que te deixam mais feliz

Felicidade e saúde andam juntas – dizem os pesquisadores, que após estudos descobriram que pessoas felizes adoecem menos e são mais produtivas. “Uma boa nutrição beneficia o corpo por dentro e por fora. Ela desempenha um papel fundamental na prevenção e gerenciamento de doenças crônicas, doenças que provocam excesso de peso e resfriados”, disse Melissa Wdowik, professora assistente no Departamento de Ciência dos Alimentos e Nutrição Humana da Universidade Estadual do Colorado. “Tão importante quanto isso, comer saudavelmente aumenta a energia, melhora a autoestima, promove o humor e reduz o estresse. Tudo isso acabará por elevar a produtividade e reduzir os custos com cuidados de saúde.” Existem alguns alimentos que contêm dentro de suas proteínas um aminoácido chamado triptofano, que é um precursor da serotonina, o hormônio da alegria. Algumas pequenas mudanças nos hábitos diários podem fazer uma grande diferença: 1. Coma alimentos ricos em triptofano O triptofano é um precursor da serotonina, e é encontrado em alimentos como frango, ovos, peixe, nozes, sementes de girassol, sementes de abóbora e o óleo de semente de abóbora. Ovos também são ricos em triptofano – que fica diretamente envolvido na síntese de serotonina. Frutas frescas, cereais integrais e leguminosas tem uma grande quantidade de fibras e são ideais para ajudar no tratamento de quadros de depressão e podem neutralizar a ansiedade. Nozes, amêndoas, avelãs, têm triptofano na sua composição química. 2. Procure comer alimentos fermentados diariamente, como iogurte, leite cru e kefir Estes alimentos ajudam a absorver os nutrientes necessários para a produção de serotonina e ajudam

LER MAIS

Fontes de alimentos ricas em Ômega 3

São vários os tipos de gordura presentes nos alimentos, porém, nem toda gordura é ruim, pelo contrário, algumas delas são essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Uma pequena porção na dieta pode ajudar o organismo a absorver determinados nutrientes. O ômega 3 é uma dessas gorduras, é um “nutriente essencial” para a saúde. Em termos nutricionais, isso quer dizer que, apesar de ser um lipídio que precisa estar presente em nosso corpo para o seu bom funcionamento, o ômega 3 não é produzido por nosso organismo. Por isso, para uma saúde nutricional equilibrada, é fundamental alimentar-se de boas fontes de ômega 3. Conheça algumas das fontes mais ricas de Ômega 3: Alimentos mais saudáveis ​​do mundo classificados como fontes de gorduras Ômega 3 Alimento Porção Calorias Quantidade (g) VDR/VD (%) Classificação dos alimentos mais saudáveis Sementes de Linhaça 2 colheres de sopa 74,8 3,19 133 excelente Nozes 0,25 xícara 196,2 2,72 113 excelente Sardinhas 90 g 188,7 1,46 61 muito bom Salmão 113 g 157,6 1,32 55 muito bom Couve de bruxelas 1 xícara 56,2 0,27 11 muito bom Couve flor 1 xícara 28,5 0,21 9 muito bom Camarão 113 g 134,9 0,34 14 bom Brócolis 1 xícara 54,6 0,19 8 bom Bacalhau 113 g 96,4 0,19 8 bom Couve galega 1 xícara 62,7 0,18 8 bom Espinafre 1 xícara 41,4 0,17 7 bom Couve 1 xícara 36,4 0,13 5 bom Vagem 1 xícara 43,8 0,11 5 bom Nabo 1 xícara 28,8 0,09 4 bom Couve – china 1 xícara 20,4 0,07 3

LER MAIS

A importância do equilíbrio Ômega 3 / Ômega 6

A gordura, em suas mais variadas formas, é responsável por aproximadamente 25 a 30% do peso corpóreo adulto normal, e nosso cérebro – o mais frágil de todos os órgãos – contém um percentual ainda maior dessa substância, aproximadamente 60%. A gordura funciona como um cobertor sob a pele, acolchoa nossos órgãos vitais, armazena energia e serve como estrutura básica para todos os tecidos vivos. Os adultos precisam de determinadas gorduras para o reparo tecidual e como componentes básicos nos processos químicos dos quais dependem a energia, o metabolismo, a reprodução e, por fim, a sobrevivência. O fato de o leite materno ser rico em determinadas gorduras essenciais – principalmente no ácido gama linolênico e em seus parentes biológicos próximos – nos dá uma pista quanto aos tipos de gordura mais importantes. Ômega 3 / Ômega 6 Os ácidos Ômega 3 e Ômega 6 (ácido alfa linolênico, ALA) são chamados de ácidos graxos poli-insaturados porque eles têm muitas ligações duplas (poli = muitos). Nosso corpo não tem as enzimas para produzi-los e, portanto, temos de obtê-los a partir de nossa dieta. Se não os obtemos através da alimentação, ficamos sujeitos a desenvolver uma deficiência e adoecer. É por isso que eles são chamados de ácidos graxos “essenciais”. No entanto, esses ácidos graxos são diferentes da maioria das outras gorduras. Eles não são simplesmente usados ​​para energia, são biologicamente ativos e têm papéis importantes em processos como a coagulação do sangue e a inflamação. Um fato importante: ômega 3 e ômega 6 não têm os mesmos

LER MAIS

Para que serve o Ômega 3?

Embora seja um assunto muito comentado, muitos ainda não conhecem o Ômega 3, não sabem para que serve, nem quais são seus benefícios. O corpo humano é capaz de produzir a maioria das gorduras que necessita, porém para um melhor funcionamento, precisa também de outras gorduras. Este é o caso de ômega 3 (ácidos graxos) que são gorduras essenciais – o corpo não pode produzi-lo, e deve ser obtido a partir de alimentos. Os alimentos ricos em ômega 3 incluem peixes, óleos vegetais, nozes, sementes de linhaça, óleo de linhaça, chia e vegetais folhosos. Mas não é só isso!  A quantidade ingerida através dos alimentos muitas vezes não é suficiente, sendo necessário assim o uso de um bom suplemento alimentar. O que é o Ômega 3? O ômega 3 é um ácido graxo poli-insaturado, com nutrientes fundamentais para o seu corpo. É composto por 3 gorduras: o ALA (ácido alfa linolênico) encontrado em sementes, como linhaça, chia, nozes, castanhas e hortaliças verdes (como couve e brócolis) e os presentes principalmente no óleo de peixe: O EPA (ácido eicosapentaenóico)  E O DHA (docosahexaenóico). Para que serve? O que torna o ácido graxo ômega 3 especial? Além de ser considerado uma gordura boa, ele é parte integrante das membranas celulares por todo o corpo e afeta a função dos receptores de células nestas membranas. Eles fornecem o ponto de partida para a produção de hormônios que regulam a coagulação sanguínea, contração e relaxamento das paredes das artérias, e inflamações. Eles também se ligam a receptores em células

LER MAIS