Faz Bem Estar Bem

Você é feliz?

Pergunta difícil de responder né? Na verdade, ninguém é feliz o tempo todo. Dizem que a maioria das pessoas experimenta momentos felizes ao longo do tempo.

Mas já que no dia 20 comemora-se o “Dia Internacional da Felicidade”, fizemos uma lista de livros para você refletir melhor sobre o assunto.

Veja:

LER MAIS

Pequenos hábitos: comece já e “turbine” sua saúde

Já estamos no segundo mês do ano. E como andam suas resoluções de ano novo? Está conseguindo cumprir suas metas?

Esperamos que sim, mas, independentemente das respostas, veja se você consegue inserir alguns hábitos no seu dia a dia.

Diferente das resoluções, que costumam ser tarefas difíceis de completar, sugerimos coisas fáceis de fazer, mas que podem te ajudar a melhorar muito sua qualidade de vida.

Veja:

LER MAIS

De onde vem o gergelim?

Somos acostumados a ver sementes de gergelim em todos os lugares: em pães de hambúrguer e baguetes, no zátar (aquela mistura de especiarias usada como condimento, originária do Oriente Médio) e sobre aquele frango que comemos no restaurante chinês. Mas será que alguém sabe de onde vem as sementes de gergelim?

LER MAIS

Você sabia que o melhor anti-inflamatório está na sua cozinha?

Doenças que nos afligem como o câncer, doenças cardíacas, diabetes, artrite, depressão e Alzheimer são associadas à inflamação crônica, e uma das armas mais poderosas para combater a inflamação não vem da farmácia, mas da mercearia! A nutricionista Alessandra Goettems vai explicar um pouco mais sobre esse assunto tão interessante!  

LER MAIS

Você sabia que existem maneiras de minimizar a temível celulite?

A causa da nossa inimiga celulite esta relacionada ao acúmulo de substâncias residuais nos tecidos, provocada por uma dieta desequilibrada, rica em alimentos refinados e pobres em frutas, legumes e verduras.  Assista o vídeo da nutricionista Alessandra Goettems e saiba quais condutas adotar para se livrar da celulite!  

LER MAIS

Alimentação e inflamação, compreenda essa relação

Os alimentos que você ingere podem ajudar a manter a resposta inflamatória do seu corpo sob controle e evitar doenças crônicas. Com as doenças autoimunes em ascensão, cada vez mais os estudos têm dado atenção à ligação entre elas e a inflamação, que tem causado inúmeras mortes nos últimos anos. A boa notícia é que os estudos têm focado nas diversas formas de inflamações aparentes no corpo e em como elas podem ser controladas. O que é a inflamação? Algum nível de inflamação no corpo é essencial, pois é um componente chave de resposta do sistema imunológico contra invasores. O sistema imunológico envia células brancas do sangue e outros mensageiros químicos para proteger o corpo contra ameaças tais como agentes patogênicos. A inflamação refere-se ao efeito amigável que ocorre durante este processo. A diferença entre a inflamação que protege o seu corpo e a “inflamação disfuncional” (o tipo causador de doenças), é que neste segundo tipo, as células brancas do sangue e outros compostos não diminuem quando a ameaça é extinta. Seu sistema imunológico permanece em exaustão, os revestimentos das células sanguíneas são corroídos, os tecidos saudáveis são danificados, e preparados para “receber” as doenças crônicas. “Se a resposta inflamatória fosse desligada, não teríamos sistema imunológico para nos proteger contra vírus, bactérias, agentes patogênicos, parasitas e câncer”, diz o Dr. Katz, médico PhD e autor do livro “À prova de doenças: A verdade notável sobre o que nos faz bem”. “Nós não viveríamos muito tempo. Precisamos da inflamação para sobreviver. Mas se o nosso sistema

LER MAIS

Você sabia que o óleo de semente de abóbora pode auxiliar na calvície masculina?

Acredita-se que tanto o aumento da próstata quanto a calvície masculina, são resultado – pelo menos em grande parte, de um excesso de produção de DHT (hormônio diidrotestosterona). O beta sitosterol, delta 7 esterina e compostos do óleo de semente de abóbora, reduzem o efeito da DHT nas células da próstata, e também podem ajudar a prevenir que ele tenha um efeito negativo sobre seus folículos pilosos, evitando assim a perda de cabelos. A nutricionista Alessandra Goettems vai explicar como isso é possível.  

LER MAIS

6 boas razões para dedicar um dia à sua saúde mental

Lembre-se: Você não é um robô. Todo mundo fica exausto de trabalhar muito – e você não é exceção. É aí que um dia dedicado ao descanso da mente pode te resgatar. Pesquisas mostram que está cada vez mais difícil as pessoas tirarem férias, porém há tantos benefícios em passar um dia fora do escritório! Se está difícil tirar férias, apenas um dia de descanso para sua mente pode ser muito eficiente e saudável. Abaixo estão algumas “desculpas saudáveis” ​​para tirar um dia de folga apenas para si mesmo: Ajuda diminuir o estresse Inúmeras horas de trabalho juntamente com as longas listas de afazeres são o suficiente para fazer alguém se sentir exausto. O trabalho é uma das principais causas de estresse e pode se tornar um problema sério se não for tratado adequadamente, razão pela qual é recomendado tirar um dia para si mesmo se você está se sentindo mais sobrecarregado que o habitual. Se você sempre se sente ansioso ou nervoso quando está indo trabalhar, é sinal de que precisa de um dia de higiene mental. Você pode explorar o seu próprio bairro Quando foi a última vez que você parou para apreciar a beleza do lugar onde vive? Com o dia de folga, sua agenda tem espaço para que você possa fazê-lo. Você pode conferir uma feira local, passar alguns momentos no parque mais próximo – seu humor melhorará durante o passeio. Faça o que fizer, faça da experiência uma aventura. Você vai ser mais produtivo quando voltar Os dias de folga

LER MAIS

Você sabia que protetor celular é tão importante quanto o protetor solar?

É bem provável  que em um dia maravilhoso de sol, você lembre com facilidade de passar seu protetor solar nos horários adequados, certo? E hoje a nutricionista Alessandra Goettems vai falar a respeito do seu PROTETOR CELULAR, que é uma fusão de vitaminas que protegem o organismo pela ação antioxidante. Consulte seu nutricionista e esteja sempre protegido!

LER MAIS

Tratamentos naturais para Psoríase

Fonte: www.drrondo.com O texto abaixo é do renomado Dr. Rondó. Ele é  médico, Cirurgião Vascular com ampla expertise em medicina preventiva e alta performance. Especializou-se em Terapias Antioxidantes pelo The Robert W. Bradford Institute, nos EUA, e no Regenerations Zentrum Dr. Kleanthous Embh (Heideberg), na Alemanha. Graduado pela Faculdade de Santo Amaro em 1983. É membro e diplomado pelo American College of Advancement in Medicine. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. Para nós da Vital Âtman, a prevenção e a informação são Vitais. “Hoje venho falar para você sobre uma doença que não tem cura, mas que pode ser tratada para controlar os sintomas: a Psoríase. Como sempre, cuidar da nutrição é uma excelente medida. Quer saber como? Já vou te contar. Mas, primeiro, vamos falar um pouco desse problema e do tratamento convencional. A Psoríase é um distúrbio de pele que afeta mais de 1 em cada 100 pessoas. As lesões se desenvolvem na forma de placas, que atingem principalmente a área dos olhos, unhas e articulações. Outras partes do corpo também podem ser atingidas, o que costuma acontecer em pequenas manifestações. Essas lesões resultam de uma produção excessiva de uma proteína chamada queratina, e é uma resposta inflamatória na pele. As placas podem ser de diferentes tamanhos, forma e severidade, podendo inclusive, ser dolorosas. Tratamento convencional O tratamento básico inclui aplicações tópicas de esteroides ou outras medicações, terapia com luz ultravioleta, e nos casos mais severos, administração interna de drogas poderosas, como

LER MAIS

Nutrição, indispensável para melhorar os sintomas do Lúpus

Não há alimentos que causem ou possam curar o Lúpus. Ainda assim, uma boa nutrição é uma parte importante de um plano de tratamento para a doença. Em geral, as pessoas com lúpus devem manter uma dieta bem equilibrada, que inclui a abundância de frutas, legumes e grãos integrais. Ela também deve incluir quantidades moderadas de carnes, aves e peixes ricos em gorduras boas. Se você tem lúpus, seguindo uma dieta variada e saudável, poderá: Reduzir a inflamação e outros sintomas que causam dores Manter os ossos e músculos fortes Combater os efeitos colaterais de medicamentos Alcançar ou manter um peso saudável Reduzir o risco de doença cardíaca Aqui está o que você precisa saber sobre o lúpus, dieta e nutrição para obter esses benefícios importantes. Redução da inflamação e de outros sintomas O lúpus é uma doença que causa inflamação, portanto, é possível que os alimentos que combatem a inflamação possam ajudar a reduzir e amenizar seus sintomas. Por outro lado, os alimentos pró inflamatórios podem agravar a doença. Alimentos com possíveis propriedades anti-inflamatórias incluem frutas e legumes, que são ricos em antioxidantes. Além disso, os alimentos que contêm ácidos graxos ômega 3, como peixes de águas frias e profundas (salmão, atum, sardinha, arenque), nozes, óleo de linhaça e azeite de oliva também podem ajudar a combater a inflamação. As gorduras saturadas, por outro lado, podem aumentar os níveis de colesterol – o que pode contribuir para a inflamação, dessa forma, elas devem ser limitadas. Fontes de gorduras saturadas incluem alimentos fritos, assados industrializados,

LER MAIS