Ômega 3: você sabe analisar a qualidade do produto que está comprando?

M
Share on facebook
Share on twitter

Muito se ouve falar a respeito do ômega 3, certo? Mas muita gente não tem ideia de que existem diferenças entre eles. Escolher um ômega 3 de qualidade é essencial para que seus benefícios façam efeito e, por esse motivo, falaremos sobre o Selo MEG-3. Mas, antes, vamos entender melhor o que é o ômega-3.

Afinal, o que é ômega-3?

Os ômegas 3 são gorduras saudáveis e fundamentais para o bom funcionamento do cérebro, dos olhos e do coração. Além disso, podem auxiliar no bem-estar geral. Infelizmente o ômega 3 não é produzido naturalmente pelo nosso corpo, então precisamos conseguir essas gorduras por meio da alimentação. (1)

Essas gorduras são encontradas principalmente em peixes como salmão, atum, anchova e sardinha. Os ômegas-3 também podem ser encontrados em algumas plantas e até em algas marinhas. (1)

Vale ressaltar que os peixes são a principal fonte de dois ácidos graxos que influenciam positivamente a nossa saúde: ômega-3 EPA e DHA. (2)

Além do EPA e do DHA, que são formas biologicamente ativas do ômega 3, esse ácido graxo também pode ser encontrado em algumas castanhas e sementes na forma de ALA.(3)

omega-3-voce-sabe-analisar-a-qualidade-do-produto-que-esta-comprando

Como escolher um suplemento de ômega-3 de qualidade?

Primeiramente, é necessário falar com um profissional da saúde antes de começar a fazer o uso do suplemento. Isso é importante porque alguns nutrientes e vitaminas podem interagir com medicamentos, então, é sempre bom ficar alerta. (4)

Quando for usar um ômega 3, procure por produtos que tenham óleo de peixe na composição. Caso seja vegetariano/vegano, você pode optar por um que utilize óleo extraído de algas. (4)

É fundamental verificar também se o fabricante especifica a concentração de ômega 3 EPAe/ou DHA existente em cada cápsula. Isso é importante para seu médico determinar quais são os níveis adequados ao seu corpo. (4)

Outro ponto importante é pensar na sustentabilidade e no meio ambiente. Sempre compre um suplemento que deixe claro em sua embalagem que adotam medidas em favor da sustentabilidade. Procure por essa informação. Alguns órgãos reguladores, como o Friends of the Sea® Certified Sustainable Fisheries e Seafood Watch, são fontes confiáveis. (4)

Também é essencial escolher produtos de qualidade porque o óleo de peixe pode estar contaminado com metais pesados, como chumbo, arsênio, cádmio e mercúrio. Esses metais podem gerar problemas digestivos, reprodutivos, cardiovasculares, respiratórios, e até afetar o sistema nervoso.

omega-3-voce-sabe-analisar-a-qualidade-do-produto-que-esta-comprando

Por que escolher o selo MEG-3 como sua fonte de ômega 3?

Você precisa consumir produtos de qualidade, isso é fato. E variedade de preços e produtos é o que mais existe no mercado. Por isso, existem alguns selos que garantem a procedência do ômega 3. O selo IFOS é um desses exemplos, ele é um indicativo de que o produto passou pelo teste de qualidade e cumpriu as normas de segurança para contaminantes ambientais definidos pelo Council for Responsible Nutrition (CRN)/The Global Organization for EPA and DHA Omega-3 (Goed) e da Organização Mundial de Saúde (OMS). (5)

A diferença do selo MEG-3 para os demais é que ele entrega alta qualidade, elevado nível de pureza e um fornecimento sustentável de ômega-3 derivado de óleo de peixe – lembrando que produtos certificados pelo MEG-3 não têm o gosto ou o cheiro característico do peixe. (1, 6)

Fora isso, o MEG-3 tem como fornecedores de peixes selvagens apenas empresas regulamentadas, em que os equipamentos, as práticas e os procedimentos adotados têm como objetivo proteger as reservas naturais desses animais. Isso acontece porque o MEG-3 apoia um ambiente sustentável e renovável. (6)

Os óleos de peixe MEG-3 estão sempre cumprindo e superando os regulamentos e as diretrizes mundiais para contaminantes, proporcionando ômegas-3 EPA e DHA extremamente seguros e de altíssima qualidade. (6)

Então, se for consumir algum suplemento que tenha ômega-3, lembre sempre dessas dicas para escolher o melhor para a sua saúde.

omega-3-voce-sabe-analisar-a-qualidade-do-produto-que-esta-comprando

Há cerca de 18 anos, somos parceiros da DSM, empresa especializada em Nutrição, Saúde e Vida Sustentável e que fornece o óleo de peixe que compõe nossos produtos. Apoiamos um ambiente renovável e sustentável, por isso adquirimo sóleos com o selo MEG-3.

 

FONTES: 
  1. MEG-3–Trustthesource. Página inicial. Disponível em <https://www.meg-3.com/pt_BR.html>. Acesso em 8 out. 2020.
  1. MEG-3–Trustthesource. Ômega-3. Disponível em <https://www.meg-3.com/pt_BR/omega-3s.html>. Acesso em 8 out. 2020.
  1. MAGALHÃES, Dulce M. Oliveira de. Ácidos gordos ómega-3 na gravidez. 2012, 28f. Revisão temática (Graduação em Ciências da Nutrição) – Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, Porto, 2012. Disponível em <https://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/68771/2/39793.pdf>. Acesso em 8 out. 2020.
  1. MEG-3–Trustthesource., 2019. Quatro passos que facilitam a seleção de um suplemento de ômega-3 de alta qualidade.Disponível em<https://www.meg-3.com/pt_BR/news/four-easy-steps-to-select-omega-3-supplement.html>. Acesso em 8 out. 2020. 
  1. Certifications. Página inicial. Disponível em<https://certifications.nutrasource.ca/>. Acesso em 8 out. 2020.
  1. MEG-3–Trustthesource. Por que MEG-3. Disponível em <https://www.meg-3.com/pt_BR/why-meg-3.html>. Acesso em 8 out. 2020.

Deixe um comentário

Deixe aqui seu e-mail pra receber conteúdos incríveis sobre qualidade de vida.

CATEGORIAS
Share on facebook
Share on twitter

VEJA TAMBÉM

Ômega 3 durante a gravidez pode diminuir o risco de asma

Dificuldade de respirar, chiado, tosse, respiração rápida e curta. Estes são alguns sintomas da asma, doença que afeta 235 milhões de pessoas no mundo, sendo que deste total 6,4 milhões são brasileiros. Os dados são da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Mas pode haver uma maneira de mudar isso. Um estudo dinamarquês recentemente publicado no “New England Journal of Medicine” descobriu que as mulheres que suplementaram com ômega 3 durante os último trimestre de gravidez, reduziram o risco de seus filhos desenvolverem asma em cerca de um terço.

Então o óleo de peixe poderia ser uma boa alternativa natural para prevenir a asma?

A Dieta do Cérebro

Estudos comprovam que o destino do seu corpo e cérebro nem sempre está associado só aos seus genes e também ao ambiente, costumes, crenças, comportamentos, hábito e alimentos. Desordens cerebrais como cefaleia crônica, perda da memória, insônia, variações do humor como depressão, ansiedade, epilepsia, transtorno motores, déficit de atenção, hiperatividade, e doenças degenerativas como Alzheimer, Parkinson podem ser influenciadas pela dieta.

Maneiras de melhorar a saúde do seu cérebro

O que é bom para o seu corpo é bom para o cérebro. Manter uma dieta equilibrada, rica em frutas e legumes, com pouca ingestão de açúcar, gordura saturada e álcool, assim como praticar exercícios e dormir cerca de oito horas por noite são bons hábitos para uma saúde excelente…