Amor

É preciso amar para viver plenamente

“O amor é a força mais abstrata, e também a mais potente que há no mundo”. – Mahatma Gandhi É com essa reflexão que iniciamos o texto de hoje. Como pode algo tão intangível ser tão poderoso? Esse sentimento que tanto ouvimos falar e que, cada vez mais, sentimos a sua escassez nas relações do mundo atual, pode ser a chave para transformar e ressignificar toda a nossa razão de existir e a maneira como vivemos em sociedade. Com o avanço da tecnologia, vivemos o que os sociólogos chamam de amor líquido, em que as relações são frágeis e facilmente descartáveis. É como se, atualmente, fosse muito fácil escolher novos amigos e novos parceiros. (1) Segundo Zygmunt Bauman: “Vivemos tempos líquidos. Nada é para durar.” (2) Tudo muda tão rapidamente que é como se nada mais fosse sólido. Desse conceito, podemos refletir sobre diversas esferas da nossa vida. Estamos com a sensação de que existe uma ameaça sobre nossas cabeças o tempo todo e isso pode nos impedir de mergulhar mais fundo nas nossas relações com o mundo, com as pessoas e com nós mesmos. Na era da conexão, ficou fácil se desconectar… do outro, de nós. Ao encarar com mais facilidade o fato de encerrar relações, por exemplo,  cria-se uma dificuldade em estabelecer relacionamentos baseados na confiança como aqueles que ouvimos há séculos em cerimônias de casamento: “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza…” Está mais fácil abandonar o barco em movimento, acreditando que sempre haverá

LER MAIS
Nutricosméticos

Nutricosméticos: o que são e o que fazem pela nossa beleza?

Nutrição e beleza têm tudo a ver e vamos te provar! Os nutricosméticos surgiram da enorme demanda do mercado pela busca em desacelerar o processo de envelhecimento e diminuir todos os impactos disso na nossa aparência e saúde. Os nutricosméticos também são conhecidos como pílulas da beleza. Como podem os suplementos orais tratarem a nossa pele de dentro pra fora? É isso que vamos discutir nesse texto! O que é o envelhecimento? Envelhecer é normal, todos nós vamos passar por isso. Mas acontece que, hoje em dia, com tanta tecnologias e estudos, descobriu-se que há formas de retardar os impactos causados pelo envelhecimento de maneira saudável e, uma delas, é utilizando os nutricosméticos. Antes de falarmos sobre eles, vamos entender o que causa o envelhecimento do nosso organismo. Para entender melhor, é preciso explicar o que é o envelhecimento cutâneo. Ele pode ser separado em dois grupos, intrínseco – conhecido também como cronológico – e extrínseco. Juntando os dois fatores, acabamos promovendo a alteração a nível dérmico, onde acontece a perda de substâncias importantes, como fibras reticulares, colágeno e a elástica, que são responsáveis pela firmeza, sustentação e elasticidade da nossa pele. (1) O envelhecimento extrínseco acontece por conta de fatores externos, como consumo de álcool em excesso, fumaça, poluição, exposição solar crônica e até mesmo por conta de alimentação carente de nutrientes. Entre todos esses fatores, a exposição solar sem proteção é o que mais causa envelhecimento da pele, em especial em pessoas que têm a pele clara. (2) Já no envelhecimento intrínseco tem

LER MAIS
Atividade física

Atividade física é a aposta para se manter saudável

Desde sempre ouvimos falar que a atividade física é essencial para termos uma vida saudável. Infelizmente, para muitas pessoas, fazer atividade física está ligado somente ao fato de emagrecer. Claro que ela pode auxiliar na perda de peso e evitar doenças. Mas a prática, além de fazer bem para a saúde do corpo, também ajuda na saúde da mente, sabia? Que tal aprender como a atividade física é primordial quando queremos nos manter saudáveis? Atividade física x Exercício físico Antes de começarmos a falar sobre os benefícios da atividade física, é importante entender a diferença entre ela e os exercícios físicos. Atividade física é todo e qualquer movimento que fazemos no dia a dia desde que traga estímulo para os músculos e gasto de energia. (1) Já os exercícios são programados, têm uma sequência de movimento com o intuito de atingir um objetivo, seja ele relacionado à estética, à saúde ou até mesmo a ambos. (1) Resumidamente, todo exercício é uma atividade física, mas nem toda atividade física é um exercício. (1) Agora que já vimos a diferença, vamos entender como a atividade física pode ajudar a manter nosso corpo ativo para que tenhamos uma vida saudável, longa e feliz! Atividade física e prevenção de doenças Muitas pesquisas já mostraram que adotar hábitos de vida saudáveis, como  atividades físicas, pode prevenir e até auxiliar no tratamento de doenças crônico-degenerativas como depressão, câncer, osteoporose, pressão alta, doenças do sistema cardiovascular, entre outras. (2) E como a atividade física faz isso? Vamos explicar! Diabetes: a atividade física

LER MAIS
Licopeno

Licopeno: um poderoso antioxidante

Algumas substâncias contidas nos alimentos podem nos ajudar a envelhecer melhor e com mais saúde, uma delas é o licopeno. Você pode até achar esse nome estranho, mas é essa substância que dá a cor avermelhada em diversos alimentos, como tomate, melancia, goiaba entre outros. Esse poderoso antioxidante já faz parte da sua dieta e você nem sabia! Vamos descobrir os benefícios do licopeno pra nossa saúde? Siga nesta leitura.  Radicais Livres e Antioxidantes  Antes de tudo, vamos entender um pouco sobre radicais livres e antioxidantes. Os radicais livres são moléculas muito instáveis que possuem um número ímpar de elétrons. Ao buscar a estabilidade, eles acabam sendo extremamente reativos, removendo elétrons de compostos estáveis, formando, assim, outros radicais livres. (1) Quando o sistema de defesa fisiológico do nosso organismo se torna insuficiente no combate aos radicais livres, ocorre um fenômeno chamado estresse oxidativo, que é conhecido como um dos principais responsáveis pelo aumento de risco de doenças crônicas como doenças cardiovasculares e o câncer. (1) Então, para evitar os danos causados por eles, nosso organismo desenvolveu mecanismos de defesa, como os antioxidantes, que são capazes de neutralizar as ações provocadas pelos radicais livres. Por isso, o consumo de alimentos antioxidantes é tão importante! (1) Podemos separar os antioxidantes em dois grupos: enzimáticos (produzidos pelo próprio organismo) e não enzimáticos (quando são obtidos por meio da alimentação). (1) Licopeno: conheça esse carotenoide Chamamos de alimentos funcionais aqueles ingredientes que, além de desempenhar funções nutricionais básicas, proporcionam benefícios para a nossa saúde. Esse tipo de alimento pode

LER MAIS
Alimentação saudável

Alimentação saudável e a relação com a saúde

Provavelmente, você já ouviu inúmeras vezes que a alimentação influencia diretamente na qualidade de vida, tanto física quanto mentalmente. Se ainda tem dúvidas sobre esse assunto, podemos adiantar que é pura verdade e é sobre isso que falaremos hoje. O que é ser mais saudável? Para ter um estilo saudável, é preciso alinhar diversos pilares na maneira como levamos a vida, buscando, sempre, o equilíbrio entre eles. Ter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos são alguns desses principais pilares que comentamos. Um não substitui o outro e é essencial ter isso em mente. Tudo vai se completando para nos proporcionar mais saúde e bem-estar. Ainda falando sobre a alimentação, grande parte de nós sabe que um dos “segredos” para que ela seja de qualidade está nas boas escolhas e na variedade dos alimentos. Mas, por quê? Provavelmente, não responderemos todos os porquês envolvendo isso, porém, selecionamos algumas informações que temos certeza que irá contribuir muito na hora de você escolher como, por que e com o que vai se alimentar. (1) Princípios básicos da alimentação saudável Como falamos acima, a variedade é, de fato, essencial na vida de quem deseja se alimentar bem e com qualidade. Por isso, esteja sempre atento(a) se o seu “prato” possui diversas fontes de nutrientes que farão o organismo funcionar de maneira saudável. Ou seja: (1) – frutas; – verduras; – legumes; – cereais; – fontes de proteínas, ferro e cálcio; – carboidratos do bem; – água, muita água e muito mais. Pronto, fácil!  Já sabemos o que precisa

LER MAIS
antioxidantes

5 tipos de antioxidantes e onde encontrá-los

Já falamos sobre alimentos com propriedades antioxidantes aqui no blog algumas vezes, mas agora mudamos um pouquinho o foco. Nesse texto, vamos aprender mais sobre os 5 tipos de antioxidantes essenciais no nosso organismo, quais são os seus benefícios e ainda onde encontrá-los para que possamos inseri-los em nossa rotina. Mas antes de começar a falar sobre os antioxidantes, precisamos entender o que são os radicais livres. O que são os radicais livres e o que eles podem fazer no nosso organismo Os radicais livres nada mais são do que moléculas que não têm estabilidade por possuírem um número ímpar de elétrons. Quando eles buscam essa estabilidade, podem acabar reagindo contra tudo que encontram pela frente a fim de “recuperarem” o elétron que precisam para se estabilizar. (1) É importante lembrar que produzimos radicais livres o tempo todo – até no ato de respirar. Eles não são inimigos, tendo em vista que desempenham inúmeras funções muito importantes no organismo, como defesa contra infecções, crescimento celular e produção de energia. O problema é que, quando a produção de radicais livres cresce muito e existe uma deficiência de antioxidantes em nosso organismo, pode acabar gerando um quadro de estresse oxidativo. (1) O estresse oxidativo está diretamente ligado à diversas doenças, sendo o agravante ou até mesmo o principal causador delas, como: (1) – Envelhecimento precoce; – Câncer; – Diabetes; – Aterosclerose; – Dermatite; – Mal de Alzheimer e de Parkinson; – Derrame; – Autismo. E qual é o papel dos antioxidantes em relação aos radicais livres? O

LER MAIS
Compra Saudável

Quais produtos escolher para uma lista de compra saudável?

Quantas vezes você não desejou fazer aquela compra cheia de produtos saudáveis, mas não lembrou quais eram importantes? Sabemos que uma alimentação saudável e variada, repleta de nutrientes importantes, pode ser uma das melhores ferramentas quando se trata de prevenção de doenças e te auxiliar a ter uma vida longa e de qualidade. Pensando nisso e principalmente em facilitar a sua vida, nesse texto vamos te ajudar a montar uma listinha com tudo que não pode faltar na hora de fazer as suas compras para conseguir manter uma alimentação equilibrada e saudável e sair do mercado com a sensação de levar ainda mais saúde para a sua casa. O carboidrato é realmente o vilão? Há quem diga que os carboidratos são os vilões da dieta, mas a verdade é que eles são muito mal julgados. Isso porque eles são essenciais por fornecerem energia ao nosso corpo, podendo trazer diversos benefícios para a saúde. (1,2) Para garantir uma expectativa de vida alta, é importante selecionar fontes mais saudáveis e sempre consumir uma quantidade moderada de carboidratos diariamente. Dietas com níveis muito baixos ou muito altos de carboidratos podem ser extremamente prejudiciais para a saúde. (1) Separamos algumas fontes de carboidratos do bem: – Aveia: Um dos grãos integrais mais flexíveis e saudáveis, a aveia é uma ótima aliada para a manutenção do sistema cardiovascular. Pode ser usada em diversos pratos ou ser consumida com frutas, por exemplo. (1) – Arroz integral: Quando a gente lê arroz, já fica com o pé atrás, não é? Mas o

LER MAIS
Vitaminas

Mitos e verdades sobre o consumo de vitaminas

Desde que nos conhecemos por gente, ouvimos falar da importância das vitaminas na nossa saúde. Com certeza, elas são essenciais e desempenham funções indispensáveis ​​para o nosso organismo. Existem muitas verdades por aí sobre elas, mas, infelizmente, muitos mitos também. Com a pandemia, aumentaram ainda mais essas informações erradas acerca das vitaminas e sua performance na imunidade. Por isso, no texto de hoje, vamos desmistificar, de maneira direta e concisa, algumas afirmações sobre elas, confirmando sua veracidade ou desmentindo o que estiver distorcido. A insuficiência de vitamina D pode piorar o estado de saúde de alguém com gripe ou resfriado? VERDADE! Da mesma forma que outras vitaminas têm um importante papel no organismo, a vitamina D desempenha o papel no fortalecimento e na manutenção do nosso sistema imunológico. Algumas células desse sistema, chamadas de linfócitos, possuem receptores de vitamina D. Quando há níveis suficientes de vitamina D no organismo, os linfócitos podem ter uma atuação melhor no combate a possíveis infecções – como a gripe ou o resfriado. Por esse motivo, o corpo acaba respondendo mais rapidamente no processo de recuperação. Então é verdade: a insuficiência de vitamina D pode piorar o estado de saúde quando alguém está com gripe ou resfriado. (1) Super dosagem de vitamina D pode apresentar riscos à saúde? VERDADE! Falamos acima do benefício da vitamina D para o sistema imunológico, mas ela também é uma grande aliada do corpo na absorção de fósforo e cálcio – dois nutrientes que são extremamente necessários para a saúde óssea. (2) Agora, por que a

LER MAIS
Creatina

Benefícios da creatina praticantes de exercícios físicos

A creatina é um dos suplementos mais conhecidos no meio esportivo – desde os amadores até os profissionais -, e pode ser uma grande aliada para quem pratica exercício físico, trazendo diversos benefícios para o corpo. Não é de hoje que quem pratica atividade física – seja em academias ou não -, está fazendo uso da suplementação para potencializar resultados. Infelizmente, muitas pessoas acabam ingerindo substâncias que não fazem bem ao organismo. Por essa razão, é primordial se atentar ao que você consome e seguir sempre a orientação de um profissional. O que é a creatina? Antes de falar sobre os benefícios, é preciso entender o que é a creatina. Ela é um aminoácido não essencial. Os aminoácidos – essenciais e não essenciais – desempenham um papel muito importante no organismo. Eles se juntam para formar proteínas e são responsáveis por auxiliar o corpo humano a realizar diversas funções vitais, como: reparar tecidos, se desenvolver, melhorar a função neurológica e cardíaca, entre outros. (1) Aminoácidos essenciais: nosso corpo não os produz, mas é possível consumi-los por meio da alimentação. (1) Aminoácidos não-essenciais: são sintetizados pelo nosso corpo, isso quer dizer que conseguimos adquiri-los por meio do consumo de outros aminoácidos, sem depender, necessariamente, da alimentação. (1) Agora que já entendemos o que são os aminoácidos, é hora de falar um pouco mais sobre a creatina. Ela é um composto que é produzido por três órgãos do corpo: pâncreas, fígado e rins, a partir de alguns aminoácidos – metionina, arginina e glicina. A creatina também é

LER MAIS
Embalagens Verdes

Embalagens Verdes: quais as escolhas certas para o planeta?

Para levar uma vida mais sustentável, é preciso fazer as escolhas certas em diversos momentos. A embalagem que levamos para casa é uma delas. Qual o impacto que ela causa no planeta? Do que ela é feita? É possível reaproveitá-la? Em quanto tempo ela se degrada? Já ouviu falar em embalagem verde? As respostas para essas e outras perguntas, vamos te contar agora! Cada vez mais, fica evidente a urgência de mudarmos a maneira como tratamos o planeta, o meio ambiente e todos os seres que habitam na Terra, incluindo nós, humanos. Essas mudanças devem ser de mentalidade, comportamentos e hábitos.  Embalagens, lixo e hábitos de consumo Falando em hábitos, como são os seus em relação ao consumo? Já parou para pensar como foram fabricadas as embalagens daquilo que você compra no supermercado, por exemplo? Para onde elas vão depois que já não são necessárias para você e qual o impacto disso no meio ambiente? Todos os anos, 8 milhões de toneladas de plástico produzido com derivados de petróleo são “despejados” no fundo dos oceanos do mundo. (1) Esse número exorbitante é apenas uma amostra da quantidade de resíduos sólidos que descartamos e que geram um imenso impacto ambiental. Por isso, a partir da década de 1980 tem-se buscado meios de reduzir a quantidade de lixo produzido e, consequentemente, do descarte de embalagens após o uso. (2) As embalagens participam de maneira essencial na contenção, conservação e proteção dos produtos, garantindo sua qualidade e segurança. Fica impossível imaginar um mundo sem elas, não é mesmo?

LER MAIS
Cúrcuma

Por que cúrcuma é bom? Conheça os seus benefícios.

Já ouviu falar da cúrcuma? Ela é uma velha conhecida dos apaixonados pela culinária. Mas sabia que a cúrcuma vai muito além da função de tempero? Ela desempenha inúmeros benefícios para a saúde – inclusive é considerada uma planta medicinal. Nesse texto, falaremos um pouco sobre a cúrcuma e os benefícios que ela promove. Da Ásia para o mundo: conheça a origem da cúrcuma A ideia de usar plantas para fins medicinais é antiga. O uso da cúrcuma na índia, em especial, já acontece há muito tempo – cerca de 4.000 a. C. (1) No começo, a cúrcuma era usada por causa do sabor e por ter propriedades similares ao gengibre. Depois, ela acabou se destacando por suas propriedades etnomedicinais, que compreendem ação antimicrobiana, antioxidante, anti-inflamatória, entre outras. (1) É extraída da raiz de uma planta chamada Cúrcuma longa L. e é utilizada na cozinha como tempero, condimento alimentar e até corante alimentício. (1) Aqui no Brasil, a cúrcuma chegou por volta dos anos 80 e acabou ganhando vários nomes, um dos mais conhecidos é o açafrão. (1,2) Apesar de sua origem asiática, essa planta acabou ganhando o coração – e o paladar – dos brasileiros, sendo cultivada em diversos estados. (2) Composição da planta Uma das coisas que mais chama atenção na cúrcuma é a cor. E não é por menos, o amarelo avermelhado deixa os pratos com um charme a mais. O aroma picante também acabou conquistando os fãs de comidas apimentadas. Mas de onde vem tudo isso? Vamos explicar. A cúrcuma é

LER MAIS
Magnésio e osteoporose

Magnésio: entenda como ele pode ajudar na prevenção da osteoporose

A osteoporose, por ser uma doença silenciosa, que dificilmente apresenta sintomas antes de estar no estágio mais grave, precisa de atenção na sua prevenção. Isso porque, atualmente, mais de dez milhões de brasileiros sofrem com a doença. Uma alimentação rica em cálcio e vitamina D desde a infância, além de, claro, a prática de atividades físicas, pode ajudar a evitar que a osteoporose apareça. E o magnésio também pode desempenhar um importante papel nessa luta. (1) Nesse texto, vamos explicar melhor o que é a osteoporose e os seus riscos, além de mostrar como o magnésio entra nessa conversa. O que é a osteoporose? Com o passar dos anos, é natural perdermos massa óssea. Aos 50 anos, essa perda se torna mais evidente, e é aí que precisamos ficar ainda mais atentos com a osteoporose. (2) A osteoporose é uma doença que tem como principal característica a perda de massa óssea, além da degeneração da microarquitetura óssea. Isso faz com que os ossos fiquem mais frágeis, colaborando para possíveis fraturas. (2) Segundo estudos, as mulheres são as mais afetadas pela doença: uma a cada cinco mulheres acima dos 50 anos poderão desenvolver a osteoporose. E por que isso acontece? Na menopausa, os níveis de estrogênio caem bruscamente e esse hormônio é responsável por manter o equilíbrio entre ganhar ou perder massa óssea. Com o nível baixo, os ossos começam a ficar mais frágeis, se descalcificando. Os homens também possuem esse hormônio, só que em quantidade inferior. Para termos uma melhor noção, a osteoporose atinge um

LER MAIS