óleo de peixe

EPA

EPA, coração e câncer: entenda essas relações

EPA! Já ouviu falar? Estamos falando do ácido eicosapentaenoico, um dos ácidos graxos mais importantes do tipo ômega 3, que não só atua na redução dos riscos de doenças cardiovasculares, como também na minimização de tumores cancerígenos. Sem contar os benefícios relacionados à sua propriedade antioxidante e anti-inflamatória, contribuindo para o bom funcionamento do organismo. (1) Este é um conteúdo que pode te auxiliar na jornada em busca de uma vida mais saudável. Sendo assim, neste texto, você vai entender os benefícios que o EPA oferece à nossa saúde e onde encontrá-lo para implementá-lo de vez na dieta. Vamos lá?! EPA e ômega 3 são a mesma coisa? O EPA é ômega 3, mas para responder a essa pergunta é importante entendermos que nem todo ômega 3 é igual ao outro. Mas, como assim? Bem, existem 3 tipos conhecidos e cada um age de modo distinto. Quando definimos o ômega 3, podemos dizer que trata-se de um ácido graxo poli-insaturado de cadeia longa que é constituído pelos ácidos alfa-linolênico (ALA), docosahexaenóico (DHA) e eicosapentaenoico (EPA). (1,2) O EPA e o DHA são considerados os ácidos graxos mais importantes do grupo ômega 3. Abordamos essa dupla no nosso mais recente e-book (INCLUIR LINK), você já conferiu? Essas gorduras são derivadas de animais e também podem ser encontradas em suplementos. O organismo humano não produz ômega 3, porém, o corpo é capaz de transformar o ALA em EPA e DHA, e os tecidos capazes de fazer isso, por meio de sistemas enzimáticos de alongamento e dessaturação, são:

LER MAIS
Produção sustentável de ômega 3: será que isso é possível?

Produção sustentável de ômega 3: será que isso é possível?

Por diversas vezes, quando abordamos o esse tipo de ácido graxo poli-insaturado aqui no blog, deixamos claro que as principais fontes de DHA, um tipo de ômega-3, são os óleos de peixe. Será que é possível continuar produzindo esse tipo de alimento/suplemento em larga escala, de maneira sustentável, atendendo à demanda que se faz crescente cada vez mais, sem causar danos à natureza, aos recursos naturais e, ao mesmo tempo, não colocar esses animais em risco de extinção? Esse é o tema dessa publicação e vamos descobrir agora! Além disso, também vamos falar sobre a busca por outras fontes ricas de ômega-3 que não sejam os animais marinhos, pois se tornam uma alternativa em vários quesitos relacionados à sustentabilidade da produção dessas substâncias tão essenciais para a saúde humana. Por que o ômega-3 tem sido cada vez mais procurado pelas pessoas? Como citamos anteriormente e em diversas matérias publicadas aqui, os ácidos graxos são essenciais na saúde do corpo humano e não são produzidos por ele. Por isso, é preciso buscá-lo através da nossa alimentação. Nos últimos anos, notamos uma maior procura por esses alimentos que são necessários para manter em condições normais as membranas celulares, as funções cerebrais e a transmissão de impulsos nervosos. Além disso, os ácidos graxos poli-insaturados possuem propriedades anti-inflamatórias e antiarrítmicas, estando associados à melhora da saúde cardiovascular. E não para por aí: pesquisas mostram que eles são benéficos para o desenvolvimento visual de recém-nascidos e para a memória dos adultos e muitos outros pontos positivos. (1) Sendo assim, hoje,

LER MAIS

Ômega 3 pode fazer bem para a saúde dos seus olhos. Quer ver?

Recentemente, abordamos as propriedades e funções do ômega 3 no nosso organismo e relacionamos elas ao tratamento da ansiedade e depressão, além de auxiliar no tratamento desses transtornos, devido à sua função anti-inflamatória, esse ácido graxo essencial oferece diversos outros benefícios em outras áreas da nossa saúde e é sobre uma delas que vamos abordar hoje: a saúde ocular. Continue acompanhando! Síndrome de Disfunção Lacrimal Para dar início a esta associação entre saúde ocular e ômega 3,é importante falar sobre essa síndrome. Mais conhecida como olho seco, ela é bastante comum e afeta uma porcentagem significativa (entre 10 e 30%) da população mundial, principalmente, mulheres e adultos acima de 40 anos. Multifatorial, é caracterizada por uma série de alterações na superfície ocular que podem estar associadas com a qualidade e composição da lágrima, com a composição do filme lacrimal, deficiências no ato de piscar e/ou irregularidades no fechamento das pálpebras. Estas alterações podem levar à instabilidade do filme lacrimal e resultar a distúrbios na superfície ocular.(1,2,3) O olho seco pode causar sérios prejuízos à qualidade de vida porque seus sintomas incluem secura ocular, dor, desconforto, coceira, falta de lágrima, visão embaçada e sensação de presença de um corpo estranho nos olhos, que podem interferir no dia a dia do indivíduo, em situações rotineiras como dirigir, ler, trabalhar, utilizar o computador e assistir televisão.(2,3) Enzimas de proteção ocular, como a lisozima, lactoferrina e peroxidase, são secretadas pela glândula lacrimal em resposta ao estímulo neuronal e, aparentemente, diminuem com a idade, o que pode indicar um declínio

LER MAIS
conheca-seis-beneficios-da-atitude-mental-positiva-aliada-a-exercicios-fisicos

Conheça seis benefícios dos exercícios físicos aliados a uma atitude mental positiva

No filme Bohemian Rhapsody, que retrata a vida do cantor Freddie Mercury, existe uma cena muito bonita: o pai do artista dá a ele um conselho: “bons pensamentos, boas palavras, boas atitudes”.
Essa filosofia de vida está alinhada com o que os psicólogos chamam de “movimento de positividade”, que é a prática de ter atitudes positivas e otimistas em relação à vida.
Pessoas assim têm a tendência a aceitar o mundo como ele é, procuram a esperança quando algo ruim acontece e espalham mensagens de esperança para os outros.
Essa atitude positiva é ótima para as pessoas que estão em volta, mas é melhor ainda para quem a pratica, pois traz benefícios reais à saúde.

LER MAIS

Conheça quatro substâncias indispensáveis para a saúde dos olhos

Quando você pensa em saúde dos olhos, qual a primeira coisa que lhe vêm à cabeça? Provavelmente deve ser uma consulta com um oftalmologista! E sim, você está certo! Esse profissional é responsável por cuidar da sua saúde ocular. Somente ele pode examinar, detectar doenças e prescrever o melhor tratamento, além de orientar sobre o uso de colírios e óculos de sol de boa qualidade com proteção contra os raios UV.

LER MAIS

Ômega 3: um potente aliado da saúde ocular!

Vamos fazer um teste? Experimente ficar dez minutos de olhos fechados e fazer suas atividades do dia a dia. Quase impossível certo? Isso porque a visão é um dos sentidos mais importantes do corpo.

É através dela percebemos nossa orientação espacial, vemos os rostos e sorrisos de nossos familiares, vemos um filme, lemos um livro, admiramos a natureza, e mais: além de transmitir imagens para o cérebro, a entrada de luz pelos olhos controla nosso ciclo circadiano, responsável pelo controle do nosso relógio biológico.

LER MAIS

Síndrome Fúngica: causas, sintomas e como evitá-la

Em busca de uma dieta saudável você vai ao mercado. Escolhe os melhores legumes e frutas indicados pela nutricionista e fica satisfeita ao chegar em casa: alimentos fresquinhos e saudáveis para o organismo.

Só que depois de um tempo você começa a sentir sintomas como queda de cabelo, cansaço, língua esbranquiçada e até coceira vaginal. Sem entender o que está acontecendo, você vai ao médico e descobre que, apesar da boa alimentação, está sofrendo de uma condição chamada “síndrome fúngica”.

Nesse momento várias perguntas vêm à cabeça: “O que é isso”? “Como eu peguei”? “Tem cura”?

LER MAIS

Conheça substâncias naturais que combatem as inflamações!

Você sabia que muitas doenças que existem hoje em dia são provocadas por inflamações? Este é um processo que acontece no organismo que vai muito além dos sintomas mais conhecidos como vermelhidão, dor, edema e sensação de calor.

Só para você ter uma ideia, até mesmo a gordura, causada pelo excesso de peso, pode passar por um processo de inflamação e causar vários prejuízos ao corpo.

Por isso nesse blog post vamos explicar como funciona o processo de inflamação e mais: como substâncias naturais podem ajudar a combater esse problema. Veja!

LER MAIS

Cinco maneiras naturais de baixar a pressão arterial

Imagine que existe um inimigo invisível que só dá sintomas quando está em estágio avançado. Várias doenças apresentam esse perfil e uma delas é a hipertensão arterial.

Popularmente conhecida como “pressão alta” essa doença não escolhe idade, classe social, profissão nem sexo.

Mas o que é a “pressão alta”? É um número relacionado à força que o sangue faz nas artérias para circular em todo o corpo. Quando este número é igual ou maior que 14 por 9 (140mmHg X 90mmHg) a pessoa é considerada hipertensa.

LER MAIS

A Dieta do Cérebro

Estudos comprovam que o destino do seu corpo e cérebro nem sempre está associado só aos seus genes e também ao ambiente, costumes, crenças, comportamentos, hábito e alimentos. Desordens cerebrais como cefaleia crônica, perda da memória, insônia, variações do humor como depressão, ansiedade, epilepsia, transtorno motores, déficit de atenção, hiperatividade, e doenças degenerativas como Alzheimer, Parkinson podem ser influenciadas pela dieta.

LER MAIS

Conheça as substâncias que dão brilho e saúde para os cabelos

Os cabelos desempenham um papel muito importante na aparência e na autoestima das pessoas.
Tanto é que existem milhares de produtos e técnicas para deixá-los mais bonitos e até recuperá-los em caso de queda. Se esse é o seu caso, que tal verificar como anda o suprimento de vitaminas do seu corpo? Muitas delas podem devolver o brilho, força e até ajudar a interromper a queda dos fios.

LER MAIS

Ômega 3: saiba porque ele é bom para o cérebro!

As estatísticas mostram que a longevidade está aumentando em todos os países do mundo. Esta é uma boa notícia, mas que traz uma preocupação: não adianta viver mais, é preciso também viver melhor.

Isso já é possível graças aos avanços da medicina e da mudança do estilo de vida dos idosos que estão mais conscientes da prática de exercícios físicos e de uma boa alimentação.

E com a idade, um dos principais cuidados deve ser com o cérebro, uma vez que existem várias doenças ligadas a idade, principalmente o Mal de Parkinson e o Alzheimer.

LER MAIS