Como eliminar a gordura no fígado

Share on facebook
Share on twitter

Conhecida cientificamente como esteatose hepática, o acúmulo de gordura no fígado é muito comum em pessoas obesas e diabéticas, mas também pode afetar qualquer indivíduo que não se alimente bem e não pratique exercícios físicos regularmente.

Apesar de não ser uma situação grave, quando não é devidamente tratada, o acúmulo de gordura no fígado pode desencadear uma série de complicações para a saúde, merecendo a devida atenção.

Confira algumas dicas que ajudam a eliminar a gordura no fígado:

– Cuidado com o carboidrato. De acordo com muitos especialistas, o carboidrato é o grande vilão da história. Porém, isso não significa que devemos cortar radicalmente todo tipo de alimento que contém carboidrato, como pães e massas. Para eliminar a gordura do fígado, basta consumir com moderação.

– Cuidado com as gorduras ruins. Fique longe das gorduras industrializadas e das frituras. Além de favorecer a esteatose hepática, esse tipo de alimento pode prejudicar a saúde de todo o corpo e facilita o ganho excessivo de peso.

– Escolha as fibras. As fibras são grandes aliadas. Por isso, alimente-se com frutas, verduras, farelos integrais e sementes, que, além de ajudar na saúde do fígado, favorecem a saúde de todo o corpo.

Escolha as gorduras do bem. Se é para ficar longe das gorduras industrializadas, aposte no consumo do que faz bem ao corpo. Também conhecidas como ácidos graxos monoinsaturados e poli-insaturados, as gorduras do bem estão presentes nos óleos 100% prensados a frio, no azeite extravirgem, em sementes e nozes e na carne de peixes marinhos de águas profundas e geladas.

Cuidado com o excesso de álcool. Doses excessivas de álcool são muito prejudiciais ao fígado. Por isso, prefira pequenas quantidades, como uma única taça de vinho por dia (cerca de 100 a 200 ml).

3 comentários em “Como eliminar a gordura no fígado”

Deixe um comentário

Deixe aqui seu e-mail pra receber conteúdos incríveis sobre qualidade de vida.

CATEGORIAS
Share on facebook
Share on twitter

VEJA TAMBÉM

Outono chegou: proteja-se das alergias e reforce sua imunidade!

O outono chegou e com ele vem o ar mais frio e seco. Nessa época do ano, é preciso ter cuidados especiais com algumas doenças, principalmente aquelas que surgem quando a imunidade está mais baixa. As principais são as alergias, resfriados, gripes, faringites, sinusites e pneumonias que são transmitidas por vírus e bactérias.

Para evitar essas doenças, é importante que você evite lugares fechados, onde há aglomerações (isso predispõe a disseminação de patógenos pelo ar) e reforce seu sistema imune através de uma boa alimentação, exercícios físicos e uma boa limpeza na casa. Veja: